CONCURSO LATINO-AMERICANO DE ARGUMENTOS DE LONGA-METRAGEM

[para la página en español, pulse aquí]

INSCRIÇÕES ABERTAS!

APOIO E PARCEIROS

Com o objetivo de incentivar a escrita cinematográfica na América Latina e o intercâmbio entre os países da região, fomentar a criação artística, bem como ajudar roteiristas iniciantes nas indústrias de cinema e entretenimento altamente competitivas, o Latin American Training Center apresenta mais uma edição do seu tradicional concurso anual.

O Concurso é voltado para roteiristas iniciantes (sem nenhum longa produzido), estudantes e recém-formadxs, naturais ou residentes da América Latina.

Serão aceitos argumentos de até 3 páginas, em português ou espanhol, de longas de ficção ou documentário relacionados ao tema. Entende-se como “argumento” uma sinopse estendida, com mais detalhes sobre a história, os personagens e os acontecimentos da trama.

As 20 primeiras inscrições receberão um feedback escrito do seu argumento, independentemente da sua colocação final.

Para promover a maior inserção de mulheres, pessoas negras, indígenas, trans e/ou PCD na indústria audiovisual, a taxa de inscrição é a de menor valor durante todo o período de inscrição, da mesma forma que para estudantes e recém-formadxs das escolas de cinema associadas ao Forcine (até dois anos após a conclusão do curso).

Nesta edição, o tema é “Viagens”, em seu sentido literal e figurado. Além disso, seguimos priorizando as narrativas que são protagonizadas por mulheres, pessoas negras, LGBTQ+, indígenas e PCD… Nosso objetivo é dar mais espaço a essa representatividade e diversidade latino-americana no audiovisual. 

O júri final será formado por dois representantes das escolas de cinema associadas ao Forcine: Gildon Oliveira Silva, da UESB, e Fabiano de Souza, da PUCRS. Os melhores argumentos em português também serão avaliados por Lilla Halla, cineasta brasileira, e Bartolomeu Luiz, produtor brasileiro. E os melhores argumentos em espanhol também serão avaliados por Kattia G. Zúñiga, cineasta costarriquenha-panamenha, além de Nathalia Lafuente e Victoria Apolinario, cineastas da produtora dominicana Karaya Films.

JÚRI FINAL

LILLAH HALLA

Lillah Halla é uma diretora e roteirista formada pela EICTV, Cuba. Seu premiado curta-metragem “Menarca” (2020), estreou na Semana da Crítica de Cannes e foi licenciado pelo Canal+ e MUBI mundial. “Levante” (2023), seu primeiro longa-metragem, também estreou na Semana da Crítica de Cannes, onde recebeu o prêmio de Melhor Filme (Fipresci Award). O filme recebeu mais de 20 premiações no mundo, entre elas, Melhor Filme em Biarritz, Melhor Filme Iberoamericano em Palm Springs, Melhor Filme pelo Júri Jovem de Rotterdam, Melhor Direção e Montagem no Festival do Rio e Melhor Filme, Melhor Elenco no Mix Brasil de Cultura e Diversidade em São Paulo. “Flehmen”, seu segundo longa metragem, é uma co-produção Alemanha-França e se encontra em desenvolvimento.

BARTOLOMEU LUIZ

Bartolomeu Luiz é talento paradiso e atua nas áreas de produção executiva e direção. Produziu o curta-metragem “O Céu Não Sabe Meu Nome”, de Carol Aó, que ganhou o Edital de Produção ProaC 2020 e prêmio Amazon do LAB negras narrativas 2020. Desenvolveu a série “O Som das Ruas”, de Thuan Mozart selecionado no Edital de Desenvolvimento da SPCINE 2020 e está desenvolvendo a série “K-Gods” que ganhou prêmio Paradiso para participar do pitching internacional na SeriesMania em 2024. Também atuou como assistente de direção, na TV Globo e ao lado de Karim Ainouz, no “A Vida Invisível”, que venceu o prêmio de melhor filme da mostra Un Certain Regard, do Festival de Cannes de 2019. Trabalhou como assistente de direção no “Medida Provisória”, de Lázaro Ramos, que ganhou melhor filme no Festival Internacional de Cinema de Moscou e no CCXP Awards 2022. Em 2020 foi assistente criativo de conteúdo na Netflix Brasil, ampliando conhecimento sobre desenvolvimento de projetos e distribuição para streamings e mercado audiovisual. Atualmente, é presidente da Associação de Profissionais Trans do Audiovisual. E head internacional de produção da Arruda Filmes.

GILDON OLIVEIRA SILVA

Doutor e Mestre em artes cênicas pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia (UFBA) tendo como linha de pesquisa a dramaturgia. Especialista em Roteiros para Audiovisual. Atua nas áreas de pesquisa, ensino, consultoria e criação artística. Desenvolve dramaturgia para Teatro, Cinema e Televisão desde 2008. Em destaque: Oficina de Teledramaturgia para Novos Autores da Rede Globo (2010); Café e Outras Pessoas (2011) – Concurso Público de Apoio ao Desenvolvimento de Roteiros Cinematográficos Inéditos de Longa Metragem de Ficção para Roteiristas Estreantes – Ministério da Cultura; Concurso Nacional de Roteiros de Aguinaldo Silva (2013) finalista com o roteiro de longa-metragem “Na Boca do Mundo, A Boca da Serpente”; Crimes Bizarros – A Lei do Riso roteirização de série de ficção para TV ARATU afiliada da Rede SBT (2018). Realização: Movioca. Disponível na AMAZON; Beleza da Noite – Criação e roteirização do especial integrando o Programa de Expansão de Teledramaturgia GLOBOPLAY (2022). Indicado 5 vezes ao Prêmio Braskem de Teatro – Categoria Melhor Texto. Vencedor do prêmio em 2023 pelos textos “Das ‘coisa’ dessa vida” e “Cintilante”.
Professor substituto de roteiro no curso de cinema da UESB – Vitória da Conquista.

FABIANO DE SOUZA

Professor do Curso de Produção Audiovisual da PUCRS, atuando principalmente nas disciplinas de roteiro e de laboratório de realização. É Doutor em Comunicação Social também pela PUCRS, tendo feito estágio de doutorando na Sorbonne Nouvelle – Paris 3, sob orientação de Michel Marie. Publicou o livro Caio Fernando Abreu e o Cinema: o eterno inquilino da sala escura (2011). Realizou oito curtas-metragens, entre eles os premiados Cinco Naipes (2004) e Os Filmes Estão Vivos (2013, codirigido com Milton do Prado). Sócio da Rainer Cine, escreveu e dirigiu três longas-metragens: A Última Estrada da Praia (2010), Nós Duas Descendo a Escada (2015) e Mudança (2020). No momento, realiza o filme-ensaio O Amor dos Filmes Nunca Feitos.

KATTIA G. ZÚÑIGA

Costarriquenha-panamenha nascida em 1982. Ela é formada em fisioterapia e bailarina formada pelo programa Open Dance da Universidade da Costa Rica. Como produtora e atriz, participou dos longas-metragens de ficção “Nina y Laura”, de Alejo Crisóstomo e “Viaje” de Paz Fábrega, entre outros. Escreveu e dirigiu os curtas-metragens de ficção “Es Cecilia” e “Cosas que no se rompen”, além do longa-metragem “Las hijas”. Atualmente, ela está coescrevendo o longa infantil “La maravillosa historia de Aimar” e está desenvolvendo seu segundo longa-metragem como diretora, “Rabiosas”.

NATHALIA LAFUENTE

Nascida no Paraguai, viveu em Cuba, Venezuela e República Dominicana. Em 1999, graduou-se na Escola Internacional de Cinema e Televisão em San Antonio de los Baños, Cuba. Como produtora, editora e documentarista, estreou nos cinemas, participou de Festivais Internacionais e ganhou diversos prêmios. É reconhecida como diretora do documentário “9 Lunas, el viaje de la Madre”, e editora de “Vinotinto, la película”, “Morena(s)” e “Colosal”. Além de sua carreira na produção cinematográfica, também trabalha como docente de documentários e desenvolvimento de projetos.

VICTORIA APOLINARIO

Nascida na República Dominicana, estudou direção cinematográfica na Universidad del Cine de Buenos Aires (FUC). Em 2022, estreou o longa-metragem de não-ficção “Morena(s)” no Festival de Cinema Documental de Buenos Aires (FIDBA). Prêmio de Melhor Direção e Melhor Filme no IV Festival de Cinema Dominicano e Melhor Documentário no Festival Internacional de Cinema Latino de Nova York. Diretora do curta-metragem “A 1232 cabezas”, selecionado para o Short Up – Festival Internacional de Cinema de Guadalajara. Com seu trabalho, pretende contribuir para a consolidação de um cinema feminino, com identidade caribenha.

PRÊMIOS

  • 1º lugar – Categoria Brasil: R$ 2.500,00 + Sessão Online de Mentoria com profissional integrante da Rede Paradiso de Talentos no âmbito do programa Paradiso Multiplica.
  • 1º lugar – Categoria “Em Espanhol”: US$ 450 + Sessão Online de Mentoria com Kate Lyra.
  • 2º lugar – Categoria Brasil: Voucher para download do software Final Draft (avaliado em US$ 250).
  • 2º lugar – Categoria “Em Espanhol”: Voucher para download do software Final Draft (avaliado em US$ 250).
  • 3os lugares: Livro da Editora LATC.

OPÇÕES E PRAZOS DE INSCRIÇÃO

  • Early Bird – até 28 de abril – R$ 85
  • Regular – 29 de abril a 28 de junho – R$ 120
  • Última Chamada – 29 de junho a 5 de julho – R$ 170
  • Diversidade e Inclusão (mulheres, pessoas negras, indígenas, trans e/ou PCD) – até 5 de julho – R$ 85
  • Estudantes e recém-formadxs das escolas associadas ao Forcine (até dois anos após a conclusão)  – até 5 de julho – R$ 85
  • Inscrição Social* – até 21 de junho – Gratuita

* Pessoas com renda familiar per capita de até um salário mínimo, mediante envio de documentação, de acordo com o Regulamento do Concurso.

REGULAMENTO

PARA LER O REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO, ACESSE AQUI.

PAGAMENTO

O pagamento da taxa de inscrição pode ser feito através de depósito ou transferência bancária à conta corrente do LATC:

LATC Centro Latino-Americano de Treinamento e Assessoria Audiovisual Ltda.

Banco Itaú (341)
Agência: 0304
Conta corrente: 57044-3
CNPJ: 09.437.829/0001 -20 (Chave PIX)

Ou através de cartão de crédito via PayPal:

Pagamento - Brasil - PayPal
Pago - Países Hispanohablantes - PayPal

INSCREVA-SE!

Para se inscrever, é necessário preencher o Formulário de Inscrição abaixo, anexando os seguintes documentos:

 

  • Cópia do argumento, em português ou espanhol, no seguinte formato: arquivo Word.doc de até 3 páginas, numeradas, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento entre linhas 1,5, margens esquerda, direita, superior e inferior de 2,5 cm.
  • Cópia do documento de identidade (RG, CNH, passaporte).
  • Comprovante de vínculo com a escola de cinema associada ao Forcine (se for o caso).
  • Comprovante do pagamento da taxa de inscrição (exceto inscrição social).

ARGUMENTOS INSCRITOS E CONFIRMADOS ATÉ O MOMENTO: 7 (SETE)

Para se inscrever gratuitamente, é necessário comprovar renda familiar per capita igual ou inferior a um salário mínimo através do Formulário de Inscrição Social abaixo. Para ver a lista dos documentos comprobatórios, acesse o Regulamento do Concurso.

Calendário

}

10 de abril a 5 de julho

Período de inscrições

}

8 de julho a 30 de agosto

Período de avaliação e seleção dos 10 melhores argumentos

}

2 a 27 de setembro

Período de seleção final dos argumentos vencedores

}

primeira quinzena de outubro

Anúncio dos argumentos vencedores e envio do feedback escrito às 20 primeiras pessoas inscritas

Sobre o Latin American Training Center

Com sede no Rio de Janeiro, o Latin American Training Center-LATC é uma empresa voltada para desenvolver e intensificar ideias, práticas e habilidades ligadas ao setor audiovisual. Sua missão é oferecer assistência aos profissionais da área, organizando programas, livros, concursos, workshops e seminários criativos sobre diferentes aspectos da indústria e fornecendo acesso às melhores técnicas, informações e orientações, contribuindo assim para a expansão e profissionalização do setor.

Contato

 

Our Partners
spcine
BRAVI
Brazilian Content
Cámara Nacional de la Industria Cinematográfica
FilmAndes Cluster
ASOCINDE
STIC
abc cursos de cinema
CQS/FV Advogados
ifta-logo-jpg
cpg_logo
creativefuture-png-logo

Subscribe to our newsletter

It's free and you can unsubscribe at any time

Share This