o presidente da Rio Film Commission e do Latin American Training Center – LATC, comenta os avanços de varias film commissions e incentivos para produção de conteúdo audiovisual na América Latina como México, República Dominicana, Chile e Colômbia durante o ano de 2012.

Solot também comenta que, com os próximos grandes eventos que ocorrerão no Brasil, o país não deve estar preparado somente para receber fãs de esporte e turistas, mas também suas film commissions devem estar devidamente capacitadas para receber os produtores e equipes de filmagem. Alem do mais, não possuir um sistema de film commissions eficaz gera perdas reais para o Brasil, mais até hoje, nada concreto foi feito nesse sentido nem pelo Ministério da Cultura nem pela Agencia Nacional do Cinema – Ancine.

Para ler o artigo completo, clique aqui.

Nossos Parceiros

Assine nossa newsletter

É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento